Apanat - Associação Paulista de Naturologia

(esqueci a senha) (cadastre-se)
página inicial

Blog - Medicina Tradicional Chinesa no tratamento da Sinusite

Como tratar a sinusite através da Medicina Tradicional Chinesa

por Bill Schoenbart e Ellen Shefi - traduzido por HowStuffWorks Brasil

 

Sinusite é um quadro desconfortável de saúde que pode ser causado por infecção de bactérias, fungos ou vírus, como também pode ser decorrente de reação alérgica. Dependendo do sinus envolvido, a dor ocorre na fronte, entre os olhos e na área da boca. Normalmente, há uma supuração amarela ou verde expelida pelo nariz, que freqüentemente atinge a garganta. Além da dor, a cabeça parece pesada. A condição se torna crônica especialmente quando a pessoa pega gripes recorrentes.

A Medicina Tradicional Chinesa recomenda que a pessoa evite comidas apimentadas quando tiver com sinusite.

A menos que a pessoa possa repousar o suficiente, evitar comidas que favorecem a formação de muco e recuperar-se plenamente, a sinusite não irá drenar totalmente. É importante tratar este quadro energicamente o quanto antes para prevenir uma infecção grave que requer tratamento com antibiótico. Um ciclo vicioso de infecções recorrentes e uso de antibióticos pode causar enfraquecimento do sistema imunológico, deixando a pessoa mais propensa a futuras infecções.

Quadros intensos apresentam melhora com a acupuntura e ervas medicinais (em inglês) em um período de poucos dias. Pontos agulhados no nariz, como o Intestino Grosso 20 e os pontos extras Bitong ou Yintang, são excepcionalmente eficazes para desobstruir as vias nasais e os seios da face. Esses pontos ficam um pouco doloridos por cerca de um ou dois segundos, mas o desconforto é normalmente recompensado pela desobstrução imediata das vias nasais e dos seios da face. Outros pontos são escolhidos de acordo com o quadro específico de desarmonia relacionada ao problema dos seios da face.

Uma boa fórmula à base de ervas é o Talco Xanthium (cang er san), que reúne a fruta Xanthium (cang er zi), a flor de magnólia (xin yi hua), a raiz de Angélica dahurica(bai zhi), hortelã e hortelã-pimenta campestre (bo he). Considerando que a fórmula atua no lado quente, algumas ervas que resfriam como flores de madressilva (jin yin hua) e raiz de escutelária (huang qin) são adicionadas à mistura diante de evidências de fogo (febre ou muco amarelo). Um remédio patenteado apropriado é Bi Yan Pian (em inglês) para congestão nasal e dos seios da face, juntamente com uma fórmula que desobstrui o fogo, como as pílulas antiinflamatórias Chuan Xin Lian (em inglês).

A dieta é especialmente importante em qualquer desarmonia envolvendo o muco, considerando que muitos alimentos tendem a aumentá-lo. O paciente deve evitar alimentos frios, gordurosos e excessivamente picantes. Doces pioram o quadro, algumas vezes com a piora imediata das condições nos seios da face na forma de mais congestão e dor.

Quando um ataque intenso passa, deve-se tomar raiz de Codonopsis (dang shen) ou de Astragalus (huang qi), ervas que tonificam o baço. Elas podem ser encontradas em patentes como Shen Qi Da Bu Wan (em inglês). Quando o Chi do baço é forte, há menor produção de muco e o sistema imunológico fica mais forte para combater gripes que causam sinusite.

 

 

Fonte: clique aqui

 
 

Comentários

Cibele Postiglione em 02/06/2010 às 21:45

Adorei a matéria. Gostaria ainda de saber as fórmulas das ervas. Qual a quantidade de cada. Sou fisioterapeuta e acupunturista.
Abraços.

evandro em 10/06/2010 às 00:25

tambem gostaria das formulas e a quantidade de cada um.

Envie seu comentário


 

2009 Apanat - Todos os direitos reservados

Desenvolvido pela S3Web